Hugo Pena – Quebra o silêncio e se diz injustiçado


Divulgação

Hugo Pena viu que as coisas não corriam bem para o seu lado em fevereiro deste ano. O que era para ser uma série de cinco shows em Tocantis para divulgar o DVD “Estrela” mudou radicalmente o rumo da história da dupla – na verdade, decretou o seu fim. Impossibilitado, por uma forte gripe, de subir ao palco, Hugo comunicou seu empresário e pediu o cancelamento dos shows. Em vez disso, a agenda foi mantida e, Hugo Pena, substituído por um backing vocal.

“Fiquei extremamente chateado com a decisão deles. Não imaginei que eles pudessem fazer isso comigo”, lamentou o sertanejo, em entrevista exclusiva ao Diário, por telefone, de São Paulo, onde reside atualmente . Ele morou em Maringá por uma década, até o ano passado.

Com oito anos de carreira, cinco álbuns de estúdio e três DVDs, a dupla Hugo Pena & Gabriel teve seu fim anunciado no início de maio. No mesmo mês, Gabriel engatou uma nova parceria com o cantor Spártaco Vezzani, que adotou Hugo como seu nome artístico, e até já lançou um EP com duas músicas.

A rapidez com que Gabriel caçou um substituto deixou Hugo Pena revoltado. “Não sou fácil de ser substituído. Espero que os fãs não aprovem a nova dupla do Gabriel. É lamentável o que ele está fazendo”, disse.

Na novela em que os cantores se meteram, houve fofocas e acusações disparadas para todos os lados. Sobrou até mesmo para a mulher de Hugo Pena, a cantora Manoella Diniz, neta do empresário Abílio Diniz, dono da rede de supermercados Pão de Açúcar. Na internet, a herdeira milionária foi acusada de ser uma “Yoko Ono sertaneja”.

Indignada, movida pelos instintos maternos, a empresária Lucília Diniz, partiu em defesa de sua filha por meio do Twitter: “Logo ela que adora o trabalho dele. Não foi a toa que casou…”, sapecou no microblog.

Questionado se deixaria de soltar a voz por imposição alheia, Hugo Pena disse que “jamais abriria mão da carreira por uma mulher”.

Toda a confusão envolvendo os ex-parceiros já está nos tribunais. Hugo Pena luta para que Gabriel seja proibido, legalmente, de usar o “seu” Hugo. “Eu me sinto lesado e injustiçado com a questão de nome.

Fonte: As melhores sertanejas

Anúncios

One response to this post.

  1. Posted by rose on 18/06/2011 at 17:27

    sou muito fa dos dois e espero q tudo se resolva pra ninguem sofrer depois mas peço pensem na historia de vcs e tambem nos fas q assim como eu estao sofrendo muito inclusive me fale o q faço com sa tatuagens dos rostos o do nome da dupla?

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: